Google+ Followers

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Desde Santiago e Mendoza

Queridos e queridas pessoas leitoras, vou-me ao Chile e Argentina por uns tempos.


Preciso dos vinhos de lá.


Vou postando as peripécias das andanças andinas. E colocando os dedos em várias feridas também.

Assim, pois, de lá surgirem em linhas emaranhadas de uvas, sal, sol e pedras.

Aguardem.

Nenhum comentário: