Google+ Followers

domingo, 4 de março de 2012

2012- início tardio.

Hoje decido voltar às letras, depois do enorme sono que usualmente instala-se no país deitado em berço esplêndido, ao som de tiroteios de ninar, entre dezembro e março.


Em minhas andanças por terras forâneas, dou-me conta de que a propaganda governística cola aqui e acolá.

O Brasil da publicidade é uma espécie de nova Dubai gigantíssima.

Equivalente ao absurdo da piada mesma.

Nenhum comentário: